Café Com Deus

Admirava muito aquela velha árvore que cresceu junto ao muro de pedra aos fundos da casa de meus pais. Era uma árvore enorme com cinco galhos, dois dos quais eram escaláveis para um novato como eu. Em um dia aparentemente favorável, comemorei muito ao conseguir escalar o galho mais baixo, pois estava com uma vista privilegiada para assistir ao tráfego. (Eu era um precursor do Community Watch Program[1]). Eram aproximadamente três metros de escalada a partir do pé do tronco da árvore, até chegar ao galho. Com meus pés seguros, eu poderia agarrar-me ao galho seco à minha direita para equilibrar meu corpo ligeiramente instável.

Preocupação, medo, nervosismo, insegurança, coração acelerado, insônia... esses são alguns sintomas causados pela ansiedade. Todas as pessoas, não importa se criança ou adulto, já ficaram ansiosas em algum momento de suas vidas. A ansiedade é a preocupação com o que vai acontecer. É normal senti-la, pois temos medo do desconhecido. Não saber como as coisas vão sair, a insegurança de não conseguir fazer a coisa certa, nos gera esse sentimento. Porém para algumas pessoas a ansiedade é um problema muito mais sério que gera um grande transtorno em suas vidas, levando-as a buscarem tratamentos para superá-lo.

  Amados, agora somos filhos de Deus, e ainda não se manifestou o que havemos de ser, mas sabemos que, quando ele se manifestar, seremos semelhantes a ele, pois o veremos como ele é.    

1 João 3:2

Tratar a respeito de identidade está diretamente ligado a quem somos em Cristo, como Ele nos vê e quem Ele nos chamou para ser, nisso está nossa verdadeira identidade.

  Todo ramo que, estando em mim, não dá fruto, ele corta; e todo que dá fruto ele poda, para que dê mais fruto ainda.    

João 15:2

Como é bom chegarmos perto de uma árvore bonita e embaixo de sua sombra colher de seus frutos e degustá-los! Bem diferente daquelas árvores secas, sem frutos e sem folhas que nem sequer chamam a nossa atenção.

Mas vocês não partirão apressadamente, nem sairão em fuga; pois o Senhor irá à frente de vocês, o Deus de Israel será a sua retaguarda.

Isaías 52:12

Melhor é um dia nos teus átrios do que mil noutro lugar; prefiro ficar à porta da casa do meu Deus a habitar nas tendas dos ímpios.

Salmos 84:10

Existem momentos de muita luta na nossa vida que fazem parecer que tudo contribui para nos afastarmos do Senhor, às vezes pensamos em nos afastarmos “só um pouquinho”, e planejamos “dar um tempo” de Deus, pois, como pecadores ficamos em alguns momentos tristes, chateados e decepcionados com Deus, achando que, de alguma forma, Ele possa ser culpado por nossas falhas, problemas e lutas ou muitas vezes não confiamos na providência divina.

Daí em diante Saul olhava com inveja para Davi.

1 Samuel 18:9

De acordo com o dicionário, inveja “é o desejo de possuir um bem que pertence ao outro. É um sentimento de inferioridade e de desgosto diante da felicidade do outro”. Vemos esse sentimento aflorar na vida de Saul quando Davi vence o gigante Golias e o povo passa a admirá-lo mais do que ao próprio rei. Foi a partir daí, que um homem, a princípio seguro de si e com poderes em suas mãos, passou a ter inveja de um jovem pastor de ovelhas.

Assim sendo, aproximemo-nos do trono da graça com toda a confiança, a fim de recebermos misericórdia e encontrarmos graça que nos ajude no momento da necessidade.

Hebreus 4:16