E havendo Deus acabado no dia sétimo a obra que fizera, descansou no sétimo dia de toda a sua obra, que tinha feito.    

Gênesis 2:2 

   Estivemos nesta semana refletindo sobre a grandeza e a soberania de Deus que idealizou e criou tudo segundo a Sua vontade. Observando a beleza, a harmonia, a perfeição, a grandiosidade do que nos cerca, só podemos concluir que o seu Criador é dono de uma inteligência e sabedoria muito superior do que possa imaginar a nossa vã filosofia. Podemos argumentar com os incrédulos que é impossível explicar o inexplicável, entender o que está muito acima da nossa capacidade, porque Deus é infinito e nós finitos. Ele fez nascer a luz em meio às trevas para tornar visível a Sua criação e possibilitar a vida. Como criaturas não podemos entender a essência nem as ações do nosso Criador. Que possamos agradecer a Deus por essa graça de termos a Sua Palavra escrita que diariamente nos ensina, “ao único Deus, nosso Salvador, sejam glória, majestade, poder e autoridade, mediante Jesus Cristo, nosso Senhor, antes de todos os tempos, agora e para todo o sempre! Amém” (Judas 25).

Artigos Relacionados

A inerrância bíblica, quarta-feira
  As palavras do SENHOR são palavras puras, como prata refinada em fornalha de barro, purificada sete vezes. .   As palavras do...
A inerrância bíblica, terça-feira
  HAVENDO Deus antigamente falado muitas vezes, e de muitas maneiras, aos pais, pelos profetas, a nós falou-nos nestes últimos...
A inerrância bíblica, segunda-feira
  Santifica-os na tua verdade; a tua palavra é a verdade. .   Santifica-os na tua verdade; a tua palavra é a verdade.  ...
A inerrância bíblica, domingo
  A tua palavra é a verdade desde o princípio, e cada um dos teus juízos dura para sempre. .   A tua palavra é...