Nossa regra de fé enfatiza a Bíblia como uma bússola para nos guiar e fortalecer  num mundo de  tremenda confusão e incerteza espiritual e moral.

Em Deuteronômio 6:6-8 Deus nos ordena inculcar e colocar primeiramente em nossos coração a Sua Palavra para depois ensinar aos nossos filhos. Pois de que adianta estarmos vazios espiritualmente da Palavra de Deus sem ter a real conversão e comunhão com nosso Pai celestial? E o que teremos de embasamento bíblico e sabedoria para ensinar os filhos no caminho em que devem andar?

A Bíblia nos ensina que a responsabilidade do ensino bíblico para a criança pertence a família. Os pais são os responsáveis por ensinar a criança sobre Deus, Seu plano de salvação do homem, sobre a vida eterna e a comunhão entre os salvos [1].

Leia também alguns artigos relacionados:

25 versículos Bíblicos para memorizar com as crianças 25 versículos Bíblicos para memorizar com as crianças
Infanto-Juvenil
Uma das coisas mais importantes que podemos fazer por nossas crianças é ensinar a Palavra de Deus. ...
Declaração de Fé: A Bíblia Sagrada
Comentário da lição
NOSSA DECLARAÇÃO: “Cremos que a Bíblia é a Palavra inspirada de Deus e é nossa autoridade final e...

Inicialmente de forma bem clara e o mais simples possível, devemos falar sobre a Bíblia com naturalidade. Estarmos convictos de que o ensino bíblico constrói cristãos fortes.

O plano de salvação é uma direção para se conhecer quem é Deus, o Seu plano perfeito.Deus é o nosso criador, mas infelizmente as coisas se arruinaram através do pecado, mas Deus em Seu infinito amor tinha um plano; Jesus veio para nos salvar, e aceitando a Jesus nos tornamos parecidos com Ele; e assim, obedecendo a Deus através da leitura da Bíblia que nos orienta, nos ensina  a orar, a pertencer à igreja e assim aguardar a volta de Jesus.

Para termos sucesso com o discipulado de nossos filhos, temos que ser o exemplo. E pedir a Deus a direção de tudo que pretendemos fazer e falar. O versículo 7  nos dá as dicas: “assentado em sua casa, e andando pelo caminho, e deitando-te e levantando-te”. Ou seja, em todas as oportunidades que tivermos de momentos com nossos filhos, precisamos ampliar o aprendizado e a criatividade, ajudar a pesquisar e entender a bíblia. Para isso precisamos dispor de tempo de qualidade para ler, conversar, agir e orar.

Ensinar por meio de experiências: em tudo dando exemplo

As crianças precisam aprender da Bíblia para terem respostas às suas questões e problemas.  Com atividades que envolvam  movimento, desafios e divertimento. Elas “são aqui e agora”, e isso envolve ação:

  • Desafiá-las para aprender novas habilidades e informações;
  • Oportunidade de aprender através dos sentidos dados por Deus: ouvindo, vendo, tocando, saboreando, cheirando;
  • Colocar um sorriso em suas palavras, se você está feliz e entusiasmado, as crianças refletirão sua alegria.

Se o seu filho ainda não aceitou a Jesus, que tal começar pelo “Livro Sem Palavras?” que a Bíblia de Recursos para o Ministério Infantil da Apec [2] tem como anexo, o qual é uma excelente ajuda para evangelizar. Mas nada impede de confeccionar com papéis coloridos e/ou outros objetos juntamente com a criança.

 

O que é  O Livro Sem Palavras?

Tem a capa na cor verde e dentro tem quatro páginas ou duplas. Com as seguintes cores: dourada, preta, vermelha e branca. Cada cor representa um grupo de verdades do Evangelho e deve ser mostrada às crianças enquanto você fala a respeito das verdades, ou qualquer verdade, desse grupo.

Este pequeno livro já provou ser muito eficiente para ensinar a mensagem do evangelho:

  • A página dourada fala sobre Deus e sua Santidade;
  • A página preta fala sobre o pecado e suas consequências;
  • A página vermelha fala a respeito de Jesus Cristo e Sua morte pelo pecado;
  • A página branca fala sobre salvação – especialmente justificação;
  • A página verde fala sobre crescimento espiritual após a salvação.

Use o Livro Sem Palavras, mas use também a Bíblia, e especialmente um versículo sempre que estiver apresentando o Evangelho para a criança.

Essa é só a primeira parte.

O discipulado infantil: alimentar para crescer

Em seu livro Primeiros Passos, Doherty diz que quando as crianças confiam em Jesus Cristo como Senhor e Salvador, elas nascem de novo e começam uma nova vida . Deus quer que elas cresçam espiritualmente, mas não crescerão se não forem alimentadas. Elas precisam ser ensinadas a comer, a andar, a falar e a obedecer. [3]

Leia também alguns artigos relacionados:

Ser Avó... Ministério de Amor! Ser Avó... Ministério de Amor!
Café Com Deus
Toda casa deveria ter um depósito para as lembranças felizes. Avós e pais devem ser desafiados a...
Juízes: Primeira opressão
Comentário da lição
  Estes, pois, ficaram, para por eles provar a Israel, para saber se dariam ouvido aos...

O mandamento do Senhor Jesus é “apascenta os meus cordeiros” (João 21:15). Pedro, em sua primeira carta, recomenda o uso do leite genuíno da Palavra àqueles que confiaram em Cristo, para que cresçam.

Outra orientação riquíssima que Doherty nos dá é que a principal ferramenta no processo  de alimentação é a Palavra de Deus. As crianças podem não conseguir lê-la por muito tempo, ou com grande concentração, mas darão ouvido a quem seja capaz de lhes explicá-lA bem.  

A lição bíblica é um alimento espiritual muito importante na escola bíblica, pois ensina sobre doutrina, missões, testemunho, memorização e aprendizado de versículos, oração em público e particular e a importância do devocional diário.

Em casa, os pais podem ensinar as seguintes verdades:

  • A segurança da salvação;
  • A inspiração da bíblia e a importância de lê-la todos os dias;
  • A importância da prática da oração;
  • O entendimento das doutrinas bíblicas básicas;
  • A necessidade de dedicarem suas vidas a Jesus Cristo, e de se submeterem ao Seu Senhorio;
  • Um esboço da conduta cristã, e o que Deus espera delas;
  • Como lidar com o pecado na vida e não ser dominado por ele;
  • Como testemunhar aos outros;
  • A importância de obedecer aos pais;
  • A necessidade de frequentar a igreja e a escola bíblica.

O segredo está na repetição de algumas verdades, e isso para não se tornar enfadonho pode ser apresentado de diversas maneiras:

  • O prazer da leitura por si só: Como desafio de memorização, todos os dias ler o mesmo trecho bíblico, em um momento tranquilo do dia;
  • Orações breves e com objetivos: Preparar uma caixinha de oração junto com a criança e incentivá-la a escrever em pedaços de papel previamente recortados, palavras de adoração a Deus, pedidos e agradecimentos;
  • Cânticos curtos: As crianças gostam de cantar. O salmista diz que a canção alegra o coração do Rei. E pode-se afirmar que o mesmo acontece com a criança, principalmente se incutirmos nela um verdadeiro espírito de adoração ao nosso Deus;
  • Devocionais: Geralmente trazem exemplos para reflexão, testemunhos de vidas. Com ilustrações, reforçam o versículo bíblico;
  • Jogos e brincadeiras: De forma lúdica, as crianças aprendem regras e memorizam histórias e versículos bíblicos. Pais e filhos podem confeccionar e usar a criatividade para criarem  atividades com diversos materiais. Segue dica de livro que todos os dias traz um versículo e atividades para realizar em casa [4]

Filhos são presentes de Deus para nossas vidas, e devemos cumprir com o mandamento de Deus com relação ao Ide. Aproveitando todos os momentos que estivermos com nossas crianças, pois ensinar a Palavra de Deus é ganho, traz benefícios infindáveis, serão momentos inesquecíveis de convivência familiar que marcarão o coração de nossos filhos.

Vocês, pais, estão cumprindo com o que nos pede o Senhor Deus em Deuteronômio 6:6-8? Eis a oportunidade, amanhã pode ser tarde. Comece hoje mesmo a discipular o coração de seus filhos!

Referências 


[1] MOLOCHENCO, Madalena de Oliveira. Curso vida nova de teologia básica: educação cristã. São Paulo: Vida Nova,  2007. P. 64.

[2] Bíblia de recursos para o ministério com crianças [tradução da Bíblia ] João Ferreira de Almeida; notas e material adicional Neyd Siqueira.]  2. Ed. Revista e  atualizada. – São Paulo: Hagnos, 2003.

[3]  DOHERTY, Sam. Primeiros Passos: um manual para o ministério bíblico com crianças. São Paulo: APEC – Aliança Pró Evangelização das Crianças, 2008. [Tradução Eros Paquini Junior]

[4] Light, Gospel. Grande livro de histórias e atividades. Tradução Madalena Torres. São Paulo: Cultura Cristã, 2010

Leia também alguns artigos relacionados:

Maior é o que está em nós: Jesus! Maior é o que está em nós: Jesus!
Café Com Deus
“Portanto, obedeçam a Deus e enfrentem o Diabo, que ele fugirá de vocês.” (Tiago 4:7, NTLH)...
Doação para as crianças da Igreja de Luanda Doação para as crianças da Igreja de Luanda
Igreja no Brasil
O Departamento de Missões da Conferência Batista do Sétimo Dia Brasileira agradece a todos os irmãos...