Não vos deixarei órfãos; voltarei para vós.João 14:18

Hoje em dia vivemos em um mundo de dores. Os problemas surgem de todos os lados. A violência, a dor, a doença, a morte, a tristeza, a ira, a inimizade, a infidelidade, o preconceito, o desrespeito, o desanimo, o medo, o pecado. Realmente é um mundo muito diferente do que Deus criou. Não era o plano dEle que vivêssemos assim. Ele criou tudo perfeito, mas infelizmente não foi assim que permaneceu .

As coisas vão mal por aqui. Todos os dias somos surpreendidos ao lermos nos jornais as coisas monstruosas que um ser humano pode faz com seu próximo. Agressão, estupro, homicídio, sequestro, as maldades não têm fim.

Quando paramos e olhamos a nossa volta podemos ver que aqui não é o nosso lugar. Nos sentimos desconfortáveis, porque não estamos em casa, estamos a caminho. E nesse caminho, muitas vezes, ficamos desanimados, pois tudo parece ir contra nós, ficamos com vontade de “sumir do mapa”, de esquecer de tudo por um só momento que seja. Mas quando bater essa vontade devemos olhar para o céu e lembrar do que Jesus disse: Voltarei para vós!

Jesus confortou os discípulos com essas palavras, e hoje se torna um conforto para nós também. Temos que viver sabendo que não pertencemos a esse mundo mal (João 17:14-16), “a nossa cidade está nos céus, de onde também esperamos o Salvador, o Senhor Jesus Cristo” (Filipenses 3:20).

Nosso verdadeiro lar está por vir, Jesus virá para nos levar para ele. Tudo o que hoje nos traz tristeza não existirá mais. “Deus limpará de seus olhos toda lágrima, e não haverá mais morte, nem pranto, nem clamor, nem dor, porque as primeiras coisas são passadas.” (Apocalipse 21:4). É com essa esperança que temos que viver.

Não podemos ficar com o nosso foco no mundo e seus problemas. Jesus nos fez uma promessa maravilhosa. Ele voltará para nos buscar! Não vai nos deixar esquecidos aqui, Ele vem sem demora (Apocalipse 3:11). “Num momento, num abrir e fechar de olhos, ante a última trombeta; porque a trombeta soará, e os mortos ressuscitarão incorruptíveis, e nós seremos transformados. Porque convém que isto que é corruptível se revista da incorruptibilidade, e que isto que é mortal se revista da imortalidade” (1 Coríntios 15:52-53).

Será algo maravilhoso, muito grandioso. Mas enquanto Jesus não volta temos que ser fortes. Ele está conosco, não somos filhos abandonados a própria sorte, não estamos órfãos. Ele cuida de nós, e sofre muito mais do que nós com tudo isso que acontece de ruim no mundo. Dói muito mais nEle, do que em nós. Mas ainda há muito trabalho a ser feito por aqui, por isso temos que permanecer firmes até que Ele venha para, então, nos dar a vida eterna e perfeita. Só mais um pouco e Jesus virá. Vamos esperar o nosso mestre com alegria!

Artigos Relacionados

Parábola do administrador infiel Parábola do administrador infiel
E DIZIA também aos seus discípulos: Havia um certo homem rico, o qual tinha um mordomo; e este foi acusado perante ele de dissipar os seus bens...
Parábola do Semeador Parábola do Semeador
  Quem tem ouvidos para ouvir, ouça. .   Quem tem ouvidos para ouvir, ouça.     Mateus 13:9  A palavra “parábola” tem sua raiz na...
Parábola: O rico insensato Parábola: O rico insensato
  E disse-lhes: Acautelai-vos e guardai-vos da avareza; porque a vida de qualquer não consiste na abundância do que possui. .   E disse...
Parábola: O rico e o Lázaro Parábola: O rico e o Lázaro
  Disse-lhe Abraão: Têm Moisés e os profetas; ouçam-nos. .   Disse-lhe Abraão: Têm Moisés e os profetas; ouçam-nos.     Lucas 16:29...